Da Redação*

A Ideagri, de Belo Horizonte (MG), passa a integrar o movimento #bebamaisleite.

– A equipe Ideagri conhece a importância do leite e seus derivados para a saúde, pois trata-se de um alimento completo e reconhecido por instituições globais, como a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO/ONU) – declara a sócia-fundadora e diretora-executiva da Ideagri, Heloise Duarte, que é médica veterinária e uma das referências no setor do agronegócio brasileiro.

0ea2cc0dfdddc73b4e08e1b543f55049Heloise Duarte destaca que a Ideagri apoia o movimento porque ele procura tratar de forma responsável os mitos e verdades relacionados ao consumo de leite e derivados.

– Existe muita desinformação sobre o assunto, apontando os lácteos como vilões para a saúde – explica a diretora.

– Com pesquisas, estudos científicos, depoimentos e palestras com especialistas das áreas de saúde, alimentação e veterinária, a campanha Beba Mais Leite tem comprovado o contrário – defende ela. – Existem pessoas alérgicas à proteína do leite e outras ao glúten, mas isso não significa que o leite ou o pão sejam ruins para a saúde de todos os demais –  compara.

Em dois anos, o movimento Beba Mais Leite já soma mais de seis milhões de pessoas alcançadas por meio de seu portal e das redes sociais. Nesse período, foram promovidos 27 eventos, em 14 cidades de oito estados – Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, Bahia, Pernambuco e Ceará – que receberam cerca de 20 mil participantes. A campanha também já arrecadou e doou mais de 900 mil litros de leite para diversas instituições.

Hoje, o movimento #bebamaisleite mobiliza cerca de 50 empresas, marcas e organizações de setores que compõem a cadeia do leite. Entre elas estão: Tetra Pak, Verde Campo, Vetoquinol, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Forno de Minas, Embaré, Girolando, Got Milk?, Phibro, Vigor, Itambé, Nutron, Bayer e, agora, também a Ideagri.

O fomento à melhoria da qualidade do leite por meio da sua atividade no mercado também está entre as contribuições da nova apoiadora. De acordo com a diretora-executiva da Ideagri, a atuação direta da empresa com a produção primária, ou seja, junto aos produtores e técnicos do leite, também motivou o engajamento no movimento #bebamaisleite.

– Nossa atividade leva soluções e serviços que estimulam a melhoria contínua da qualidade do leite produzido nas fazendas, o que aumenta a segurança alimentar. Isso adiciona confiabilidade ao alimento e seus derivados e, consequentemente, agrega valor e competitividade à cadeia brasileira do leite – pontua Heloise Duarte.

Mais sobre o movimento #bebamaisleite

Idealizado pelas empreendedoras e médicas veterinárias Flávia Fontes e Ana Paula Menegatti, o movimento #bebamaisleite foi criado em 2016, por um grupo de mães e veterinárias. Ele é o primeiro e único programa brasileiro independente para motivar o consumo de lácteos como alimentos fundamentais à saúde de crianças, adultos e idosos.

O Beba Mais Leite não está ligado diretamente a nenhuma indústria ou instituição pública ou privada. A iniciativa surgiu da preocupação com a tendência de redução no consumo de leite entre mães com filhos entre 0 e 5 anos de idade, detectada por uma pesquisa realizada durante o Seminário Internacional de Mães 2016 (www.seminariodemaes.com.br), evento que, ano passado, chegou à sua quarta edição e, hoje, é considerado o maior de maternidade no Brasil.

Das 623 mães entrevistadas na ocasião, cerca de 40% disseram não consumir o alimento, amostra que confirma a tendência de redução da presença de lácteos na mesa das famílias brasileiras. Se uma mãe não consome leite por não julgá-lo saudável, não o oferecerá aos seus filhos, que podem repetir esses mesmos hábitos alimentares na idade adulta. Esse cenário fortalece a rejeição desse alimento completo pelas próximas gerações, cujos diversos benefícios para a saúde são comprovados por vários estudos científicos.

O movimento #bebamaisleite já alcançou mais de seis milhões de pessoas por meio de seu portal, redes sociais, eventos e palestras focadas na disseminação de informações baseadas em pesquisas científicas e, também, em depoimentos de especialistas renomados. São referências nas áreas de saúde e alimentação como o médico oncologista Dráuzio Varella, o preparador físico Márcio Atalla, os chefs Olivier Anquier e Rita Lobo, entre outros.

Confira no site www.bebamaisleite.com.br mais informações sobre o programa – agenda de eventos e palestras, apoiadores e ações – e sobre a importância do consumo de leite e derivados para a saúde, como mitos e verdades, pesquisas, descobertas científicas, depoimentos de especialistas, dicas de receitas e outras novidades.

Sobre a Ideagri

Desenvolvedora do software de gestão para a pecuária de leite e corte, usado em cerca de cinco mil fazendas em todo o Brasil,

 *Fonte: Ascom, com edição de Cerrado Rural Agronegócios